Mon Jun 12 15:31:00 CDT 2017
1º Passo para uma concorrência legal: Faça um briefing único e direto

Defina o escopo da proposta deixando claras as necessidades de comunicação e seus objetivos

No campo da comunicação corporativa, uma das atribuições é o entendimento completo de uma necessidade e sua racionalização, buscando extrair a real expectativa e quais seriam os serviços que supririam de forma satisfatória estas necessidades.

Para auxiliá-lo nesta tarefa a ABRACOM desenvolveu uma lista de serviços que as agências de comunicação corporativa têm em seu portfólio e podem oferecer a você.

Clique aqui e acesse o Guia de Serviços e Boas Práticas em Contratação de Comunicação Corporativa, também no site da ABRACOM (www.abracom.org.br).

Compreender quais são as demandas de prestação de serviço será o ponto de partida para o processo de elaboração de um briefing detalhado das necessidades. Um bom briefing deve ser conciso, completo, abrangente, objetivo e claro:

Abaixo um exemplo de quais seriam as informações essenciais para a elaboração de um briefing.

1. Informações gerais.

  • Apresentação da empresa (número de fábricas/filiais; número de colaboradores; área de atuação etc.)
  • Composição industrial/matérias primas


2. Mercado

  • Qual o tamanho do mercado?
  • Quais os principais mercados (área, regiões, estados etc.)?
  • Qual a participação da marca/ produto/serviço neste mercado?
  • Qual é a sazonalidade?


3. Produtos

  • Qual a imagem da marca/ produto/serviço no mercado?
  • Linhas de produtos
  • Principais marcas
  • Principais concorrentes por linha de produto


4. Públicos

  • Principais stakeholders
  • Como se relaciona com esses públicos? Quais as principais ações desenvolvidas com esses stakeholders?
  • Se for uma empresa B2C, defina quem conhece a empresa, ou consome/usa a marca/produto/serviço, por sexo, classe social, faixa etária, escolaridade, estado civil, e ocupação financeira
  • Defina hábitos dos consumidores em relação à marca/produto/serviço tais como periodicidade de compras, quantidades compradas, preferências etc.
  • Descreva influências ambientais e culturais a que o consumidor esteja exposto.
  • Onde e como se compra a marca/produto/serviço?
  • Quem decide a compra da marca/ produto/serviço?


5. Preço

  • Quais os preços da marca/produto/serviço e sua relação com a concorrência (baixos, normais, altos, muito altos etc.)
  • Existem restrições legais para estabelecer o preço?
  • Se não existem restrições legais, comente a política de preços para este produto, critérios utilizados etc.
  • Qual é a reação do consumidor em relação ao preço desta marca/produto/serviço?


6. Concorrentes

  • Defina os principais concorrentes diretos, produtos e fabricantes.
  • Quais os preços praticados pelos concorrentes?
  • Qual a política de vendas praticada pelos concorrentes, como descontos especiais, bonificações, prazos de pagamento etc., que de certa forma facilitam a negociação?
  • Pontos positivos e negativos das empresas/marcas/ produtos/serviços concorrentes
  • Comente as principais ações de comunicação dos concorrentes quanto às verbas, temas, sucesso/insucesso, mídia, época etc.


7. Descrição do trabalho solicitado nessa concorrência

  • Objetivos estratégicos da empresa
  • Objetivos de marketing (da empresa, linha, marca, produto ou serviço) em termos de volume, valor, participações, ampliação de mercado e rentabilidade
  • Objetivos de comunicação (quem e quantos atingir, o que comunicar, que atitudes e respostas se deseja motivar a curto e longo prazos)
  • Definição do serviço (s) alvo (s) dessa concorrência.
  • Definição de como espera receber a proposta


Naturalmente o briefing é a peça central, a espinha dorsal que dará sustentação e embasamento teórico necessário para que as agências, por seu lado, possam entender e apresentar algo que supra suas necessidades, atendendo de forma integral as expectativas.

Um briefing mal preparado, ou que não expressa as informações mínimas e fundamentais para compreensão de sua necessidade, além de dificultar o entendimento propiciará, também, um cenário com alto risco de elevação de custos a curto e médio prazo, já que planejamentos imprecisos, desenvolvimentos, criações e produções que não trarão, necessariamente, resultados reais, surgirão da má interpretação dos dados expressos em seu briefing.

Quanto mais informações as agências tiverem sobre sua empresa e quanto mais objetivo e claro você for ao expor suas necessidades, maior será o sucesso desta etapa do processo.


Para baixar os 10 passos para uma concorrência legal, clique aqui
Compartilhe esta ideia
 


Rua Jesuíno Arruda, 769 - 4º andar - Itaim Bibi - São Paulo/SP - CEP: 04532-082 - Telefone/Fax: (11) 3079-6839 / E-mail: contato@abracom.org.br